Blogia
A Comunicação Organizacional e os Recursos Humanos

gestão de recursos humanos

Conheça a ginástica laboral

http://youtu.be/mpwYi0jur3Q

All work and all play (legendado)

http://vimeo.com/44130258

PESSOAS: CONFIANÇA, CORAGEM E COLABORAÇÃO

O Encontro Nacional APG 2012 reúne ao longo de um dia os Gestores de Pessoas num programa rico e dinâmico, composto por sessões intensas de formação e inspiração, de partilha e interação. Um programa inovador que evidencia a importância da gestão de pessoas nas organizações e o seu contributo estratégico na obtenção de performances e resultados de excelência.

Nesta edição Pessoas - Confiança, Coragem e Colaboração, são trabalhadas as competências necessárias ao desenvolvimento de culturas e equipas proativas, resilientes, colaborativas, coesas e vencedoras.

Através de um conjunto de intervenções impactantes e interativas, lideradas por oradores de referência, a temática PESSOAS: Confiança, Coragem e Colaboração será explorada. (...)

Espiritualidade nas Organizações

http://vimeo.com/1036733

The Importance of Values in Decision Making

Barrett Seven Levels and CTT Intro

About the Work

Dicas para um currículo campeão

O Funcionário Bonzinho

Quer ver o seu modelo de Avaliação de Desempenho a funcionar na sua empresa?

"Quer ver o seu modelo de Avaliação de Desempenho a funcionar na sua empresa? Novo produto em Saas, basta apenas uma ligação à Internet  (...) "  Hugo Guedelha, Comercial (pré-venda) na Cezanne Software in Revista Human - Linkedin

 

Avaliação de Competência 360º: Como preencher | Kairos Treinamentos

Avaliação 360 graus: desafios e vantagens

Avaliação 360 graus

"A ‘Avaliação 360 Graus’, também chamada de “feedback 360”, é um método de avaliação de pessoas que se baseia na ampla participação de todos os integrantes da equipe.
Por esse modelo, que alguns gestores preferem chamar de “avaliação multivisão”, o profissional é avaliado não somente pelo superior, mas também pelos seus pares e eventuais subordinados.
É assim que conseguimos identificar os elos fracos de uma equipe. Um profissional pode parecer muito competente aos olhos do superior mas, na verdade, oprimir seus subordinados de uma tal maneira que estes deixam de ser proativos e não rendem para a empresa tudo o que poderiam render.(...)" Magui Lins de Castro in RHPortal


Avaliação 360 Graus: A Melhor Intervenções de Recursos Humanos

"O compromisso na construção de novas visões sobre desempenho é essencial no modelo de gestão das empresas que vêem pessoas como o seu principal diferencial. Vincular essas visões a mudanças necessárias à melhoria da performance empresarial requer ampliar as possibilidades de intervir no meio organizacional, de forma a criar oportunidades para todos, e buscar a sinergia necessária ao sucesso. Se avaliações de performance individual não são capazes de mover. (...)"  Renilda Ouro de Almeida in RHPortal

A evolução da gestão de pessoas e relações de trabalho nas organizações

"Presentemente quando ponderamos sobre a área de recursos humanos, gestão de pessoas e outros termos derivativos desta mesma temática a idéia já existe de maneira relativamente sólida em nossas cabeças, ou seja, é certamente fácil conceber um processo de seleção, admissão, demissão e outras práticas oriundas do campo da gestão de recursos humanos. Contudo, poucos param para se perguntar: como isso tudo começou? Por que começou? Como chegamos até aqui? Estas e outras questões fazem com que esta área torne-se muito mais cativante até porque os insights tendem a brotar quando cavamos aspectos históricos. Assim o objetivo deste texto é apresentar uma retrospecção da história da gestão de recursos humanos bem como sua evolução até a contemporaneidade. (...)"   Rafael Chiuzi  

Dia do Profissional de RH

Parabéns aos profissionais de RH, o dia 3 de junho é dedicado a vocês! Gerenciar pessoas não é tarefa fácil, e essa é a missão do Recursos Humanos. Lidar com conflitos, perceber as necessidades individuais e coletivas, fazer mediação entre os funcionários e a organização, além de acertar na contratação. Um boa leitura e uma semana para se apaixonar pelo Desenvolvimento Humano.

Fonte RHPortal

Quem é o Profissional de RH?

"Com as rápidas mudanças econômicas, políticas e culturais, as organizações vêm se dedicando a melhorar sua capacidade competitiva. Isso inclui alterações profundas em suas estratégias na busca de alternativas apropriadas ao negócio e ao plano de desenvolvimento. Nesse contexto, o maior desafio do RH é atrair, reter e desenvolver talentos, visando preservar a auto-estima, a motivação e o estímulo dos colaboradores. O profissional de RH passa a ser altamente valorizado nas empresas, que necessitam (...)"  Wanice Almeida
Fonte: Comunicação e Marketing - W3net in RHPortal

Retrato de RH - o dia-a-dia de quem faz o RH acontecer

Diferença entre Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas

"As organizações, em sua grande maioria, ainda estão adotando os formatos tradicionais de treinamento, em que alguém assume a responsabilidade de ensinar as pessoas, de forma circunstancial e eventual. (...) De acordo com Canabrava e Vieira (2006, p. 72), a diferença entre treinamento e desenvolvimento de pessoas consiste em:
O treinamento é uma oportunidade para a capacitação e o aperfeiçoamento da pessoa em sua função, com vistas à melhor adaptação e produtividade na organização. Já o desenvolvimento vai além da dimensão do treinamento, na medida em que constitui o meio de descoberta, reconhecimento e promoção do potencial de realização e de desempenho, de forma pessoal e inédita. (...)". Carreira e Negócios in Artigos RHPortal

A geração Y cresceu. E agora?

"Há muito tempo, por volta de um século atrás se criou o hábito de classificar gerações e nomeá-las. Essa classificação serve para definir alguém ou um grupo social independente de suas idades, gêneros ou classes sociais.

Algumas vezes, como mais recentemente, a classificação é feita com letras, tais como as gerações X (1965/1979), Y (1980/1995) e Z (após 1996), outras vezes dando-lhes nomes, como no começo do século passado. (...)" Vladimir França in RH.com.br 

O que prejudica o desempenho de uma reunião?

"Certamente você já ouviu alguém comentar que participou de uma reunião e que ficou na torcida para que os ponteiros do relógio acelerassem. Ou então, a pessoa teve o sentimento de que ao invés de estar presente àquele encontro, teria lucrado muito mais se tivesse usado seu tempo em outra atividade. Isso é algo muito comum de ocorrer no ambiente corporativo e em todas as esferas hierárquicas. Mas quais são os principais fatores que fazem as reuniões se cansativas e até mesmo improdutivas, (...)"  Patrícia Bispo in  RH.com.br